Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



2792

Ultimas Noticias

24.09.2014 – Aposentado acima do mínimo não terá aumento real em 2015

A luta dos aposentados por aumento real em 2015, nos benefícios acima do salário mínimo, parou na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) enviada pelo Governo Federal ao Congresso Nacional, e que não contempla reajuste acima da inflação para a categoria.

O valor máximo das aposentadorias, caso seja confirmado o reajuste de 6,2% e demais benefícios, incluindo pensões por morte, do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deverá subir de R$ 4.390,24 para R$ 4.662,43, a partir de janeiro de 2015. Entretanto, dificilmente os segurados, mesmo contribuindo pelo teto previdenciário, conseguem se aposentar com o benefício máximo.

É que os benefícios são calculados a partir de 1994, corrigidos mês a mês, sendo considerados no cálculo final apenas as 80% maiores contribuições. Valores são divididos pelos meses de contribuição, depois são calculados os descontos do fator previdenciário, resultando no benefício final, que na maioria das vezes, fica abaixo do teto máximo do INSS.

Para aposentados que ganham sobre o salário mínimo, o aumento deverá ser dos atuais R$ 724,00 para R$ 788,06. Os valores foram informados pelo governo no Projeto de Lei Orçamentária 2015, que prevê as despesas para o ano que vem. Os aposentados ainda tentaram obter emendas, mas esbarraram no esvaziamento do Congresso Nacional, por causa das eleições.

A Confederação Brasileira dos Aposentados e Pensionistas (Cobap) vai continuar na luta pelo reajuste com aumento real. A informação é do presidente da entidade, Warley Martins. Fonte: Diário do Litoral



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012