Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



2818

Ultimas Noticias

01.10.2014 - Nas ondas do rádio a prevenção da violência contra crianças e adolescentes

Repassamos convite efetuado pelo Ministério da Saúde para você Radialista para participar da Oficina -  Nas ondas do rádio a prevenção da violência contra crianças e adolescentes. Confira as informações extras a seguir, pois as vagas são limitadas.

 

Promoção: Ministério da Saúde - Coordenação Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno e  Coordenação Geral de Saúde do Adolescente e do Jovem

Público alvo: profissionais que atuam em rádios comunitárias, escolares, públicas, universitárias e comerciais nos Estados do RS, SC e PR. 

Objetivo:  agregar novos atores sociais às redes de atenção integral às crianças, adolescentes e suas famílias em situações de violências valorizando o potencial da linguagem radiofônica na difusão das ações de prevenção da violência e promoção da cultura de paz.

Local: Porto Alegre

Data: 17, 18 e 19 de outubro de 2014.

Inscrições através do link:

http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=14690

INSCRIÇÕES LIMITADAS! Faça logo a sua e nos ajude a divulgar entre seus colegas e parceiros.

Para Radialistas que residem a 100km  ou mais de distância de POA, o MS custeará, além do almoço, passagens e hospedagem.

O projeto Nas Ondas do rádio a prevenção da violência contra crianças e adolescentes nos estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste tem como objetivo agregar novos atores sociais às redes de atenção integral às crianças, adolescentes e suas famílias em situações de violências valorizando o potencial da linguagem radiofônica na difusão das ações de prevenção da violência e promoção da cultura de paz.

Por que o rádio? Considerado o meio de comunicação de massa mais acessível, o rádio está presente na vida cotidiana de praticamente todos os lares brasileiros. A sua popularidade começa na linguagem oral que privilegia o fazer de outras atividades enquanto se escuta os programas radiofônicos, mantendo aguçadas as emoções, reflexões e criatividade dos ouvintes.

A quem se destina? Aos profissionais que atuam em rádios comunitárias, escolares, públicas, universitárias e comerciais.

Qual atividade? Será realizada uma oficina para sensibilização na temática da violência e atualização da linguagem do rádio utilizando a metodologia da problematização conexa às práticas da comunicação radiofônica na indução da educação em saúde. 

Que resultados esperamos? Durante a oficina os radialistas produzirão peças radiofônicas (vinhetas, spots, rap, paródias, cordéis) e ao final do projeto teremos 200 radialistas sensibilizados; 40 peças criadas, editadas e gravadas. Para as gravações das peças pedimos que os participantes levem violão, pandeiro, cavaquinho e outros instrumentos musicais que tenha habilidades de uso.

Local da Oficina e hospedagem: Porto Alegre/RS - Hotel Continental - Largo Vespasiano Júlio Veppo 77 - CEP: 90035-040. Centro (próximo a Rodoviária)

Data:  17, 18 e 19 de outubro de 2014.

Participarão radialistas do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina. Serão oferecidas 50 vagas, sendo: 10 para o Paraná, 10 para Curitiba  e 30 para Rio Grande do Sul – (10 para o interior e 20 para capital e região metropolitana).

Informamos que havendo excesso de inscritos o critério de seleção considerará as primeiras inscrições enviadas.  

Observações:

1. Os radialistas que precisarem de passagens aéreas deverão enviar a Ficha de Inscrição e o Cadastro de passagem até o dia 5 de outubro. O Cadastro de passagem é continuação da Ficha de Inscrição.

 2. O projeto cobrirá as despesas com almoço para todos os participantes e com passagem e hospedagem (café, almoço e jantar) para os participantes que residirem 100 km ou mais de distância de Porto Alegre.

3. Serão oferecidas 50 vagas: 20 para capital Porto Alegre e região metropolitana 10 para o estado do RS, 10 para o Paraná e 10 para Santa Catarina. Havendo excedente de inscritos serão selecionadas as primeiras inscrições recebidas.

 4. Cada participante deverá assinar um termo de cessão de imagens e som. As peças criadas terão autoria dos radialistas, mas o direito patrimonial será reservado ao Ministério da Saúde. 

5. Podem trazer instrumentos musicais: violão, pandeiro, cavaquinho e outros instrumentos musicais que tenha habilidades de uso. Os instrumentos serão muito úteis na gravação das peças.

6. A participação de mais de uma pessoa da mesma rádio ou escola tem vantagens e desvantagens. A vantagem é que forma pares na temática e a desvantagem é que concentra as vagas em uma mesma rádio/escola.

7. Haverá certificação para os participantes com 75% de frequência na oficina.

Técnica responsável pela oficina:

Gilvani Pereira Grangeiro

Assessora Técnica

Coordenação Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno - CGSCAM- DAPES/SAS/MS

SAF/Sul, Trecho 02,  Lote 05/06, Edifício Premium, Torre II, sala 01, Brasília/DF, CEP: 70070-600 - Fone (61) 33015 9041 - Fax (61) 3306 8023



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012