Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



3443

Ultimas Noticias

20.03.2015 – Dieese: aumenta o número de negociações com reajuste real de salário

O número de negociações salariais que resultaram em ganhos reais para os trabalhadores aumentou no ano passado e, os radialistas se enquadram nessa estatística. Segundo estudo divulgado ontem (19) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), 91,5% dos acordos firmados entre patrões e trabalhadores garantiram reajuste acima da inflação. Em 2013, o índice ficou em 86,2%.  O estudo considera a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A direção do Sindicato dos Radialistas, em todas as suas campanhas salariais sempre bate de frente junto aos patrões, pois sabe de sua resistência em conceder índices acima da inflação oficial. Nesse ano passado, como nos anteriores, conquistamos bons números, especialmente para os pisos. Além dos 6,34% para toda a categoria, os pisos tiveram 2% de produtividade em novembro/14 e mais 2,34% em julho/15, o que totaliza 11%. Tenham certeza de que esta direção, em sintonia com os dados do Dieese, tem por objetivo a busca por melhores salários e índices para toda a categoria.

A matéria completa com todos os números foi publicada ontem, aqui no site. Nela na avaliação do coordenador de Relações Sindicais do Dieese, José Silvestre Prado de Oliveira, alguns fatores permitiram que os acordos em 2014 fossem melhores do que os de 2013, apesar do desempenho da economia, medido pelo Produto Interno Bruto (PIB), ter sido pior no ano passado.

Um dos pontos que contribuíram favoravelmente para esse cenário, segundo Silvestre, foi o baixo nível de desemprego. “Mesmo com o mercado de trabalho com tendência de perda da dinamicidade e geração de novos postos, os níveis de desemprego foram baixos”, destacou Silvestre, em referência a 2014. Para ele, as desonerações concedidas pelo governo federal a alguns setores econômicos também permitiram maior margem de negociação em favor dos trabalhadores.

Para Silvestre, a obtenção de ganhos reais neste ano dependerá ainda mais da mobilização dos trabalhadores. “A mobilização vai ser ainda mais importante, por conta desse cenário de incertezas”, enfatizou. Ele lembrou que, nos últimos anos, a geração de empregos tem diminuído, o que pode tornar as negociações mais duras daqui para frente. Concordamos com o coordenador, pois quando destaca que a mobilização tem papel relevante, queremos deixar claro para a categoria que só ela garante índices mais justos.



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012