Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



4338

Ultimas Noticias

24.11.2015 - Justiça manda Band recontratar jornalista demitido durante tratamento de câncer

Por determinação da Justiça, a Band Rio foi obrigada a recontratar o editor e jornalista Maurício Verfe da Fontoura, 29 anos, que havia sido demitido em maio durante tratamento de câncer. A decisão foi anunciada oficialmente na sexta-feira (20) e efetivada nesta segunda-feira (23) na sede da Band Rio, na Rua Álvaro Ramos, em Botafogo.

Emocionado, Maurício postou na página da sua rede social uma mensagem bíblica da Parábola do Filho Pródigo: "o bom filho à casa torna!" Ele recebeu cumprimentos por ter conseguido voltar ao trabalho: "parabéns. Um guerreiro nunca desiste!" Dizia um dos posts.

Presidenta do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio, Paula Máiran disse que a decisão da Justiça pôs fim a uma séria e preocupante ilegalidade: "o gesto da empresa em demitir um colega durante tratamento se configurou em um ato covarde e poucas vezes visto na História do jornalismo carioca", disse. Para ela, a disposição de Mauríci Verfe da Fontoura de ir à Justiça fez toda a diferença:

- Ele mostrou como é importante o profissional lutar contra injustiças - disse.

Mauricio foi demitido ao lado de outros profissionais durante o chamado "passaralho" (demissão em grupo) ocorrido no primeiro semestre na sede da Band, no Rio. Entretanto, para sua aflição e da família, ele estava em pleno tratamento de câncer e sem reserva financeira:

- Na época, embora pudesse ficar em casa sob licença, pedi à médica do INSS que me desse alta para retornar ao trabalho. O meu salário havia sido reduzido em 1/3 por conta da pensão do INSS. Com o valor, eu mal conseguia pagar o aluguel - lembrou Maurício que é casado e pai de um menino de dois anos.

 

 

Mas, para a surpresa do jornalista, ao retornar à Band, em vez de votos pela sua recuperação, ele foi avisado que havia ordens superiores para demiti-lo. "Não adiantou ponderar que meu caso era grave e havia risco de morte", lembrou.

Por decisão da Justiça, Maurício Verfe terá um prazo assegurado de pelo menos cinco anos de trabalho e plano de saúde - período em que a possibilidade de retorno da doença pode ser dada oficialmente como eliminada.

Recentemente, em Conexão Jornalismo, Maurício entrevistou pacientes que fazem uso da substância Fosfoetanolamina Sintética - o composto que está em estudo e tem potencial para tratar pacientes com câncer.

Durante seu afastamento da Band, passando por sérias privações financeiras, Maurício foi obrigado a instituir uma campanha de dinheiro na Internet para que pudesse continuar custeando seu tratamento - ao demiti-lo, a Band retirou também seu plano de Saúde. O recurso serviu para pagar parte dos exames que necessitava fazer para acompanhar o desenvolvimento do tumor.

- Agradeço muito a todos que me ajudaram. São pessoas generosas que se sensibilizaram com a minha dor mesmo sem me conhecer. Este fato me fez acreditar ainda mais no ser humano - disse. Fonte: Sindicato dos Jornalistas PR



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012