Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



4362

Ultimas Noticias

1º.12.2015 - Ex-porta-voz de Comunicação de Sarney é denunciado pelo MPF na Operação Zelotes, aquela da RBS

E a Operação Zelotes engorda a cada dia que passa com a inclusão de novos nomes e empresas. Aqui no Sul temos um representante: A Rede de Baixos Salários. Pois na última segunda-feira (30/11), o Ministério Público Federal (MPF) denunciou 16 pessoas na Operação Zelotes, que investiga a negociação para aprovar medidas provisórias que beneficiaram o setor automotivo. Entre os acusados está o jornalista Fernando César de Moreira Mesquita, que foi porta-voz do governo José Sarney e ex-secretário de Comunicação do Senado.

 

Jornalista está entre os primeiros denunciados da Operação Zelotes

Crédito foto: Divulgação/ Superior Tribunal Militar

 

De acordo com a Agência Brasil, as investigações apontaram que Mesquita atuava para que a Medida Provisória (MP 471) fosse aprovada com as emendas de interesse da MMC, representante da Mitsubishi no Brasil e a financiadora do esquema, além do grupo Caoa. Ele teria recebido R$ 78 mil.

Mesquita já havia admitido que recebeu em sua casa o lobista Mauro Marcondes, um dos alvos da Zelotes, preso em 25 de outubro. Em depoimento à PF, ele afirmou ter sido procurado pelo lobista para tratar de informações sobre uma MP de interesse do setor automotivo.

A nova frente de investigações da Zelotes tem como origem materiais recolhidos durante as apurações de irregularidades cometidas no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). Segundo os investigadores, foram identificadas práticas de crimes como corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, organização criminosa e extorsão.

Além de solicitar a prisão dos denunciados, o MPF pediu a perda dos cargos e a cassação de aposentadorias dos envolvidos, bem como o pagamento de, no mínimo, R$ 879,5 milhões como reparação aos cofres públicos. A União perdeu R$ 1,58 milhão decorrente da lavagem de dinheiro. Fonte: Portal Imprensa



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012