Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



6120

Ultimas Noticias

19.04.2017 - “A verdade vem à tona”, afirma Sindiágua sobre corrupção na privatização do saneamento de Uruguaiana

É, por incrível que pareça, estamos com o tema Uruguaiana novamente. Com a notícia de que vários políticos da cidade estão na lista de propinas da Odebrecht, o assunto ficou atual novamente.

Os políticos teriam recebido propina para favorecer a empresa privada a manter o contrato sem muitas cobranças, segundo foi noticiado.

O fato é que algumas coisas precisam ser rememoradas.

Primeiro, nós nunca tivemos dúvida de que havia algo muito estranho naquela privatização.

A contratação da empresa Infra, lá de São Paulo, para elaborar um dossiê que ridicularizava o serviço prestado pela Corsan. O dono da Infra ora se apresentava como Infra e ora como diretor da Odebrecht.

O Plano de Saneamento também foi feito por esta empresa. Eles mesmos produziram o edital da licitação, onde a Corsan e qualquer empresa pública ficaram de fora do certame.

Então, para nós, é apenas a confirmação de tudo o que já sabíamos.

Luta

A batalha política que se instalou na cidade naquela época teve o protagonismo do Sindiágua.

Não logramos êxito porque as instituições também deixaram muito a desejar. Tanto o Ministério Público de Uruguaiana, quanto o Tribunal de Contas do Estado.

Mas

O que importa é que agora a verdade vem à tona. E isto requer um recomeço dos trabalhos.

E claro que uma possível retomada da Corsan como prestadora de serviço de saneamento naquele município é algo a ser levado em consideração.

E, vejam só: caso tenhamos sucesso, será a comprovação de que o Sindiágua acertou em representar os trabalhadores da Odebrecht sindicalmente.

Sim, pois caso aconteça a volta e não tivéssemos a representação daquela sede territorial, não poderíamos representar os trabalhadores que por ventura venham a prestar serviço na Corsan de Uruguaiana.

Corrupção

Entendemos que o caso Uruguaiana é a comprovação de que toda e qualquer aproximação de empresas privadas no saneamento tem algo podre.

Então, seria de muito bom tom que a Corsan repensasse sua intenção de realizar PPP na Região Metropolitana.

Sim, pois até agora apenas a Odebrecht escancarou seu modus operandi. E a Equipav (Aegea), a Queiroz Galvão e outras? Quando elas abrirem a boca, o que virá?

Pedimos cautela à Corsan neste momento delicado. Fonte: Boletim do Sindiágua-RS



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012