Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



7169

Ultimas Noticias

15.03.2018 - Deve haver investigação rápida e rigorosa sobre a morte da vereadora carioca

A direção do Sindicato dos Radialistas condena veementemente a morte da vereadora Marielle Franco, foi assassinada a tiros na noite de ontem (14), no centro do Rio de Janeiro. O motorista que conduzia o carro em que ela estava também foi morto pelos disparos. Franco, de 38 anos, ficou conhecida como militante do movimento negro e de direitos humanos, com denúncias recentes de violência policial contra moradores de favelas no Rio. A principal linha de investigação da Polícia Civil é a de execução.

Ela tinha acabado de sair de um evento chamado "Jovens Negras Movendo as Estruturas", e vinha denunciando o assassinato de jovens negros pela PM do Rio de Janeiro.

Marielle foi a quinta vereadora mais votada do Rio nas eleições 2016 com 46.502 votos. Socióloga formada pela PUC-Rio e mestra em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF), teve dissertação de mestrado com o tema "UPP: A redução da favela a três letras". Trabalhou em organizações da sociedade civil como a Brasil Foundation e o Centro de Ações Solidárias da Maré (Ceasm). Coordenou a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), ao lado de Marcelo Freixo.

Manifestamos nossa solidariedade aos familiares, amigos e assessores nesse momento de dor. A sociedade exige que o assassinato da vereadora, em circunstâncias suspeitas, seja investigado com rigor.

 



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012