Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



7377

Ultimas Noticias

24.05.2018 - Assembleias conjuntas dos jornalistas e radialistas acontecem em todo o Estado e encerram nesse sábado

Os radialistas e jornalistas do Estado de São Paulo decidiram unir forças para reagir à tentativa das empresas de rádio e televisão de retirar direitos e precarizar as condições de trabalho das duas categorias. As empresas agem com uma brutalidade e intransigência que não se vê há tempos. Os jornalistas estão em campanha salarial desde dezembro, sem conseguir renovar a Convenção Coletiva, pois os patrões querem acabar com conquistas e impor condições piores que a nefasta reforma trabalhista. A data base ocorreu em 1º de dezembro de 2017. Já houve onze rodadas de negociação com o sindicato patronal, que se mantém intransigente e não aceita mexer em sua proposta de retirada de direitos. Com isso, a Convenção já expirou, e o impasse, que se mantém, só pode ser rompido com uma forte mobilização da categoria. Os radialistas, cuja data base passou em 1º de maio, enfrentam agora o mesmo cenário (veja os principais direitos ameaçados no verso). A campanha salarial ocorre desde março, com data base em 1º maio passado. O sindicato está em campanha de mobilização da categoria, e os radialistas enfrentam a mesma tentativa dos patrões de dilapidarem os direitos contidos na Convenção Coletiva. As duas categorias trabalham juntas, todos os dias, nas mesmas empresas, e a união de forças surgiu como um caminho, nesta situação difícil, para obrigar as empresas a respeitarem as nossas legítimas reivindicações. É por isso que os sindicatos decidiram realizar assembleias regionais unificadas em todo o Estado a partir de 19 de maio.Nas assembleias, os trabalhadores das duas categorias vão debater e definir ações conjuntas, na capital e nas cidades do interior e litoral, incluindo a possibilidade de paralisação unificada. A mobilização unitária de todos os trabalhadores e trabalhadoras de rádio e TV dá ânimo e força para resistir em defesa de nossas condições de vida e trabalho.

Veja os principais direitos que as empresas querem tirar de radialistas e jornalistas:

Quinquênio– A cada 5 anos, o trabalhador que se mantém no emprego ganha um adicional de 3% no salário. As empresas querem congelar esse direito: o quinquênio deixaria de acumular, e só se mantém para quem já o ganha.

Estabilidade pré-aposentadoria– É uma cláusula que impede as empresas de demitirem o trabalhador que se aproxima da aposentadoria. Os patrões querem derrubar essa garantia em troca de uma indenização.

Estabilidade da gestante– Direito que as mães têm de voltar ao trabalho após a licença-maternidade, tendo garantida a estabilidade por um mês. É uma proteção para a mulher. Os patrões querem derrubar em troca de indenização.

Decisão sobre as férias– O trabalhador tem o direito de decidir se quer tirar 30 dias corridos de férias ou quebrar em até três períodos. As empresas querem passar a ter o direito de decidir sozinhas sobre isso (podendo usar férias, por exemplo, para as escalas de final de ano).

Banco de Horas– As empresas querem piorar brutalmente a jornada de trabalho das duas categorias, estendendo o período de compensação para até seis meses. No caso das duas categorias, há possibilidade de redução de ganhos para parcelas dos trabalhadores, a depender do contrato de trabalho. Totalmente inaceitável! Não podemos deixar que as empresas destruam o que conquistamos em décadas de luta!

As assembleias ocorrem em Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Campinas, Itapetininga, Bauru, Santos, Sorocaba, ABCD, Vale do Paraíba  e Capital, no Sindicato dos Jornalistas.

Fonte: Sindicato dos Radialistas de São Paulo.

 



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012