Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 


Guia Sindical

8371

Ultimas Noticias

29.04.2019 - 1º de maio – Mais do que nunca, dia de lutas

Nos últimos tempos os trabalhadores não têm muito o que comemorar em 1º de Maio, Dia do Trabalhador, devido aos incessantes ataques dos Governos Temer e agora com o de Bolsonaro. Eles se empenharam ao máximo em lutar contra os direitos dos trabalhadores com a implantação da Reforma da Previdência.

 

 

Cremos que a melhor maneira de não deixar passar em branco a data do dia do trabalhador, é através de uma intensa e efetiva participação nas manifestações programadas para a data e convocadas pelas centrais sindicais. Lembrem-se de que precisamos fazer agora para continuarmos a honrar o dia 1º de Maio, Dia do Trabalhador, caso contrário a data passará a ser denominada como Dia do Trabalho.

As Centrais Sindicais decidiram, pela primeira vez, organizar um 1º de maio unificado, com a participação da Frente Brasil Popular e da Frente Povo Sem Medo. Faça você a sua parte.

Na capital gaúcha, a concentração ocorrerá às 14 horas, na Rótula das Cuias, que fica na Avenida Aureliano de Figueiredo Pinto, ao lado do Parque da Harmonia. Um caminhão de som ficará estacionado no local para manifestações.

Depois, às 15 horas, os participantes sairão em caminhada na Orla do Guaíba, com faixas e cartazes, dialogando com a população e coletando adesões ao abaixo-assinado das centrais contra a reforma da Previdência. O prazo de entrega foi estendido até 20 de junho. Até lá as listas com assinaturas podem ser enviadas para a sede da CUT-RS (Rua Barros Cassal, 283), em Porto Alegre, a fim de posterior remessa para Brasília.

Após a marcha, as centrais realizarão um ato, às 16 horas, na Rótula do Gasômetro, que fica na Avenida João Goulart, nas imediações da Câmara de Vereadores. Haverá também manifestações no caminhão de som dos movimentos sociais e dos partidos de esquerda, na defesa dos direitos da classe trabalhadora.

“Vamos fortalecer a unidade das centrais na defesa dos direitos e da aposentadoria, por mais empregos e salários decentes, contra as privatizações, por liberdade, justiça, igualdade e soberania”, afirma o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo. “E vamos dar mais um passo concreto na construção da greve geral para barrar a aprovação da reforma da Previdência do Bolsonaro no Congresso Nacional”, ressalta.

Manifestações no interior do RS

Caxias do Sul- ato às 14h, nos Pavilhões da Festa da Uva;

Bagé– concentração às 14h, na Praça do Coreto, seguida de caminhada pela Avenida 7 de Setembro;

Erechim- concentração às 10h, no Bairro Atlântico;

Passo Fundo- ato das 14h às 17h, no Parque da Gare;

Pelotas– ato das 14h às 18h com mateada e atividades artísticas na Praça Dom Antônio Zattera

Santa Maria- atividades das 10h às 17h com ato ecumênico, almoço coletivo, apresentações culturais, mateada, lançamento do Comitê Regional contra a Reforma da Previdência e ato público no Alto da Boa Vista, bairro Santa Marta;

Ijuí – concentração às 14h seguida de ato na Praça Central;

Santa Cruz do Sul– ato das 14h às 17h, na Praça Getúlio Vargas.

 

 



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fone:(51)3233.3500

webmail / Todos Direitos Reservados 2012