Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



115

Ultimas Noticias

03/12/2012 Rede TV descumpre lei e deixa de pagar 1ª parcela do 13° salário

 

Pois não é só a Ulbra/RS que deixa seus trabalhadores sem o pagamento do 13° e horas extras. Os funcionários da Rede TV relatam que a situação na emissora não é das melhores. Segundo apuração do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo, a situação que atingia principalmente os funcionários contratados como pessoa jurídica (PJ), chegou aos que têm carteira assinada.

Em texto divulgado nesta segunda-feira, 3, o relato do profissional que trabalha no canal dá conta que os colaboradores estão desanimados. "Ficam [a Rede TV] lá pagando de santos promovendo a campanha Direito de Viver [em parceria com o Hospital do Câncer de Barretos], dizendo que vão ajudar as crianças com câncer quando na verdade não são capazes nem de ajudar quem trabalha horas e horas naquela emissora. Quase ninguém da casa quer participar dessa campanha tamanha insatisfação com tudo lá. Muita gente está indo porque eles obrigaram", disse a fonte.

O site Comunique-se apurou que, de fato, a primeira parcela do 13° não foi depositada. Internamente, a emissora alega que vai pagar o valor em única parcela, a ser depositada em dezembro. Sabe-se que, por lei, a atitude não é considerada legal.

Ainda de acordo com a fonte do Sindicato, a emissora cortou as horas extras das faxineiras. "São pessoas que precisam, que trabalham duro. Não sei como os donos da Rede TV! conseguem colocar a cabeça no travesseiro", explicou. O sindicato promete agir para que a Rede TV cumpra as obrigações trabalhistas.



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012