Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



123

Ultimas Noticias

04/12/2012 Trabalhadores da EBC decretam Estado de Greve

 

Em assembleia dia 29 de novembro, que contou com a participação do Sindicato dos Radialistas/SP, os trabalhadores da EBC decidiram continuar em Estado de Greve. Dia 21 decretaram ESTADO DE GREVE por aumento real nos salários; pela revisão ampla e democrática do Plano de Empregos, Carreiras e Salários, que atenda às reivindicações; e pelo respeito às Leis que regulamentam as profissões. Para marcar ainda mais o protesto vestiram AZUL, a cor da EBC. Os trabalhadores, junto com o Sindicato dos Radialistas SP e dos Jornalistas, estão mobilizados e organizados para alcançar todas as reivindicações, inclusive aumento real, valorizando o profissional da emissora.

Durante cinco anos da EBC tem investido em infraestrutura e equipamentos. Agora é hora de investir na valorização do trabalhador.

Veja carta aberta elaborada pelos trabalhadores e suas entidades representativas:

Carta Aberta dos Trabalhadores da EBC

Comunicação Pública de Qualidade passa pela Valorização dos Trabalhadores(as).

Trabalhadores da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) em ESTADO DE GREVE por ganho real e pela revisão do Plano de Carreiras

Hoje vestimos AZUL, a cor da EBC, por aumento real nos salários, pela revisão ampla e democrática do Plano de Empregos, Carreiras e Salários que atenda às nossas reivindicações e pelo respeito às Leis que regulamentam nossas profissões.

Nós - que diariamente colocamos no ar oito emissoras de rádio, três canais de TV, uma agência de notícias, uma rádioagência e um portal de internet - convivemos com salários muito baixos. O salário de jornalista quando entra na empresa é de R$ 3.042,00, metade do valor pago, por exemplo, pela TV USP.

Todas as funções da profissão de Radialistas (diretor de imagem, operadores de câmera, editores de imagem, técnicos de manutenção, etc..), independentemente das suas atribuições e responsabilidades, são remuneradas por baixo e igualmente pelo piso de R$ 1.817,00.

A evolução profissional do atual Plano de Carreiras é desanimadora. Um auxiliar de câmera, por exemplo, não tem a possibilidade de ser promovido para outras funções. E para que nossos salários cheguem ao topo da carreira teríamos que trabalhar muito mais do que o teto até nos aposentarmos.

Os cargos de chefia são ocupados em sua maioria por pessoas de fora do quadro. Em São Paulo, essa é a situação de 100% dessas posições. Das duas, uma: ou a empresa que diz valorizar as pessoas tem dificuldade para capacitar seus quadros ou não reconhece o suficiente a capacidade que criou.

A diretoria da EBC caminhou de forma lenta para a construção de um novo plano de carreiras. Agora, acena de forma importante para um diálogo que visa a solução do impasse. Esperamos que essa solução possa ser construída e que os debates prossigam de maneira mais ágil e participativa a partir de agora.

Aguardamos também o empenho da empresa em buscar o aumento real para o salário dos trabalhadores e trabalhadoras. Caso contrário, será o segundo ano consecutivo sem ganho real, enquanto na gestão anterior o aumento acima da inflação foi uma prática constante.

Ano passado abrimos mão de ganho real na negociação do Acordo Coletivo em nome do crescimento da EBC e da revisão do Plano de Carreiras. Demos nosso voto de confiança. Agora é hora da direção da empresa corresponder. E estamos juntos nessa luta para convencer quem tem a prerrogativa de garantir os recursos necessários para assegurar esses ganhos.

Em 5 anos, a EBC investiu em infra-estrutura e equipamentos. É fundamental termos veículos com estrutura, mas equipamentos sozinhos não fazem comunicação. Criatividade e inovação só se tornam concretas com nosso trabalho.

Nós reiteramos nosso compromisso com a comunicação pública, a autonomia, a transparência e o respeito à diversidade e à liberdade de expressão. Nós, que temos a missão de criar e difundir conteúdos que contribuam com a formação crítica das pessoas, queremos que a nossa valorização seja de fato uma prática cotidiana.

COMISSÃO DOS FUNCIONÁRIOS DA EBC

SINDICATOS DOS RADIALISTAS E DOS JORNALISTAS DO DF e SP



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012