Seções

Denuncias/Sugestões
Sindicalize-se
Links

Bolsa de Emprego

Cadastro de Currículo
Consulta de Currículo

On line

Últimas Notícias
Notícias Anteriores

Notícias Antigas


Sintonia

 

 

Novos convênios

 



4348

Ultimas Noticias

26.11.2015 - Jornalista rejeita mentira sobre demissão e fica sem adeus na Globo

A demissão de Sidney Rezende vem rendendo e expondo a Rede Globo a situações vexatórias que bem mostram o quanto praticam políticas antidemocráticas. Em seu site e facebook recentemente Rezende admitiu que a Globo dava ênfase a notícias ruins e omitia as boas, nessa modalidade de censura. Agora, nem a própria demissão do trabalhador é aceita, isto é, não pode tornar público que foi demitido, tendo que assumir que sua saída deu-se por vontade própria, a exemplo do que existe aqui no Sul, quando os demitidos de certa empresa sempre saem para executar projetos pessoais. Qualquer semelhança com as demissões que ocorrem aqui no RS, não passa de mera semelhança. Confira nota publicada no site UOL.

 

Demitido há duas semanas da Globo News, canal em que trabalhava havia 19 anos, o jornalista Sidney Rezende não teve direito a um e-mail de despedida, escrito pelo diretor-geral de jornalismo e esportes da Globo, Ali Kamel, e distribuído a todos os jornalistas da casa. Nesses e-mails, sempre elegantes, Kamel enumera as qualidades do profissional e seus feitos na emissora. Rezende, que implantou a primeira FM de notícias do país, a CBN, não teve tal deferência porque se recusou a mentir sobre sua saída da emissora.

Rezende disse a amigos que Kamel propôs a ele um e-mail de despedida dizendo que o jornalista estava saindo do Grupo Globo a pedido, para cuidar de negócios particulares, principalmente o site SRZD. Rezende não concordou. Sugeriu a Kamel que ele deveria dizer a verdade, que não haveria nenhum constrangimento para ele em tornar público que estava sendo demitido _e não pedindo demissão.

Diante do impasse, Kamel optou por não escrever nenhuma nota, o que intrigou profissionais da Globo. Afinal, um mês antes, ao dispensar Eduardo Grillo, fundador da Globo News e âncora do Jornal das Dez, o principal do canal, o diretor-geral de jornalismo da Globo se referiu ao jornalista como "profissional completo, talhado para o jornalismo" e "brilhante", entre outros adjetivos. Rezende, esperavam os colegas de emissora, merecia tratamento semelhante.

Kamel não economiza elogios mesmo quando não se trata de despedida. Ao anunciar a saída de Christiane Pelajo do Jornal da Globo, também em outubro, escreveu que ela "fez grandes coberturas nacionais e internacionais, séries de reportagem de fôlego e ajudou o JG a ter a reputação que tem". Mais recentemente, ao informar o fim da estadia de Renata Ceribelli em Nova York, disse que a "jornalista levou todo o seu talento para lá" e produziu "excelentes reportagens" em "dois anos muito produtivos e felizes _para ela e para nós".

Procurado pelo Notícias da TV, Sidney Rezende preferiu não se manifestar sobre o assunto. Embora já esteja afastado da Globo News, ele cumpre contrato com a emissora até fevereiro.

A Globo emitiu a seguinte nota: "Assim que a Globo foi procurada para confirmar a não renovação do contrato de Sidney Rezende, a emissora disse que confirmava a informação a pedido do próprio jornalista. A Globo não tem por hábito mandar e-mails coletivos anunciando decisões desse tipo. Só o faz quando a decisão é de comum acordo. A Globo não tem problema algum em admitir não renovações, mas não anuncia isso publicamente em respeito aos profissionais. De todo modo, ao confirmar a notícia sobre a não renovação, a emissora fez questão de elogiar a competência profissional de Sidney Rezende, o que ratifica nesse comunicado". Fonte: http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/ - de Daniel Castro.



Impressos


Rua Barão do Teffé, 252 - Bairro Menino Deus - Porto Alegre-RS CEP:90160-150

Fones:(51)3029.4730, 3233.3500, 3019.6730 e 3024.4164

webmail / Todos Direitos Reservados 2012